Skip to Store Area:

Loja Virtual

Introdução à etnobiologia

Duplo clique na imagem acima para visualizá-la maior

Reduzir
Aumentar

Mais Visualizações

Introdução à etnobiologia

Enviar para um amigo

Seja o primeiro a comentar este produto

Disponibilidade: Em Estoque.

R$54,90
Acrescentar itens ao carrinho Comprar

Descrição Rápida

PARTE 1: HISTÓRIA, ABORDAGENS E CONCEITOS - O QUE É ETNOBIOLOGIA? - ETNOBIOLOGIA OU ETNOECOLOGIA? - ETNOBIOLOGIA URBANA - PALEOETNOBIOLOGIA PARTE 2: A PERCEPÇÃO DA NATUREZA - O QUE É PERCEPÇÃO AMBIENTAL? - BASES BIOLÓGICAS E EVOLUTIVAS DA PERCEPÇÃO HUMANA SOBRE O AMBIENTE NATURAL - PERCEPÇÃO DE RISCO - A RELAÇÃO ENTRE AS PERCEPÇÕES E O APROVEITAMENTO DOS RECURSOS NATURAIS PARTE 3: A CLASSIFICAÇÃO DA NATUREZA - COMO E POR QUE AS PESSOAS CLASSIFICAM OS RECURSOS NATURAIS? - VISÕES ALTERNATIVAS SOBRE AS CLASSIFICAÇÕES FOLK PARTE 4: O APROVEITAMENTO DA NATUREZA - PLANTAS MEDICINAIS - PLANTAS ALIMENTÍCIAS - RECURSOS MADEIREIROS - RECURSOS ANIMAIS - FUNGOS PARTE 5: O MANEJO E A DOMESTICAÇÃO DA NATUREZA - DOMESTICAÇÃO DE PLANTAS - DOMESTICAÇÃO ANIMAL - O EXTRATIVISMO DE RECURSOS VEGETAIS PARTE 6: FATORES QUE AFETAM O CONHECIMENTO BIOLÓGICO TRADICIONAL - A TRANSMISSÃO DO CONHECIMENTO LOCAL OU TRADICIONAL E O USO DOS RECURSOS NATURAIS - CONHECIMENTO E USO DE PLANTAS EM CONTEXTOS DE MIGRAÇÃO - GÊNERO E IDADE - ETNIA, RENDA E ESCOLARIDADE - URBANIZAÇÃO E SERVIÇOS PÚBLICOS - STATUS SOCIAL E CONHECIMENTO ECOLÓGICO TRADICIONAL


Apesar dos grandes avanços da etnobiologia, mundialmente ainda carecemos de livros e textos que possam servir de referência para o seu ensino. Não há dúvidas de que nos últimos anos apareceram muitas obras que vieram preencher lacunas no ensino e na pesquisa em etnobiologia. Neste sentido, esta obra tem, então, a proposta de subsidiar o ensino inicial de etnobiologia na graduação e pós-graduação. A ideia foi produzir capítulos curtos que introduzissem o leitor às principais ideias sobre o assunto abordado. Obviamente que, dada a complexidade da etnobiologia, não nos foi possível apresentar todos os pontos de vista e abordagens sobre o tema. Por isso, esta obra é, de fato, uma breve introdução ao tema. Dividimos o livro em seis partes, cada uma delas cobrindo os aspectos que julgamos relevante para facilitar a leitura e o aprendizado. Na primeira parte, tivemos a preocupação de trabalhar os aspectos mais históricos e conceituais da etnobiologia. Dois capítulos são particularmente oportunos, pois tratam de abordagens relativamente recentes ou pouco debatidas, pelo menos no Brasil: a paleoetnobiologia e a etnobiologia urbana. A apropriação da natureza, nos mais variados aspectos, passa inicialmente pela forma como a percebemos. Por isso, a segunda parte do livro aborda justamente essa etapa inicial do relacionamento entre seres humanos e natureza. A terceira parte, por sua vez, traz à tona o debate clássico e os principais aportes teóricos sobre como a nossa espécie classifica a natureza percebida. Já na quarta parte do livro tratamos de um dos aspectos mais trabalhados na etnobiologia: a utilização dos recursos naturais. Optamos aqui por tratar apenas os recursos mais estudados pelos etnobiólogos, como uma introdução muitos simples e direta a cada um desses recursos. A quinta parte configura-se como um desdobramento muito natural desta, pois trata das consequências dessa nossa relação utilitária com a natureza. Optamos, então, nessa quinta parte, por abordar o extrativismo de produtos florestais e a domesticação de plantas e animais. Por fim, a sexta parte é uma síntese sobre o que afeta a nossa experiência com os recursos naturais, dito de outro modo, sobre quais variáveis afetam o conhecimento biológico tradicional (CBT). Embora não tratemos de tudo o que pode influenciá-lo, oferecemos ao leitor um conjunto de informações que, sem dúvida alguma, servem como uma aproximação ao assunto. Assim, acreditamos que esta obra, possa auxiliar os professores de etnobiologia e estudantes a terem uma aproximação relativamente amena ao tema. A lista de referências bibliográficas complementa a obra, permitindo aos leitores o aprofundamento dos temas abordados.
Acrescentar suas Tags:
Acrescentar Tags
Utilize espaços para separar tags. Utilize aspas simples (') para frases.